Você está em NoticiAki - de Tudo um Pouco > Botulismo – Causas, Sintomas, Transmissão e Tratamento

Botulismo – Causas, Sintomas, Transmissão e Tratamento

Botulismo

O botulismo consiste em uma intoxicação alimentar não muito comum e letal causada pelas toxinas produzidas pela bactéria Clostridium botulinum. As toxinas são venenos que podem causar danos graves aos músculos e nervos como lesões nervosas conhecidas como neurotoxinas. O botulismo alimentar é causado pela ingestão de alimentos contaminados, o botulismo resultante de uma ferida contaminada ou o botulismo do lactente, decorrente de alimentos contaminados.

botulismo

botulismo


Botulismo

O botulismo é causado pela bactéria Clostridium botulinum que formam esporos e são resistentes à destruição. Com o tempo e a presença de nutrientes e umidade, os esporos crescem e produzem a toxina. A toxina é altamente tóxica e resistente à destruição. O alimento contaminado ao ser consumido atinge o sistema digestivo e destruí parte das enzimas protetoras do intestino. As conservas caseiras, normalmente são uma das maiores fontes de botulismo. Os alimentos mais comuns que podem apresentar esse tipo de toxina são peixes, frutas e vegetais. Alguns casos de botulismo podem ser causados também por carne suína e bovina e laticínios. O botulismo causado por ferimentos é caracterizado por apresentar lesões que contém as toxinas e são levadas para a corrente sanguínea, causando a doença.

Sintomas do Botulismo

Os sintomas normalmente se manifestam a partir de 18 horas após a entrada da toxina no corpo. Quanto mais cedo se manifestar a doença, maior a quantidade de toxina ingerida. Os primeiros sintomas incluem boca seca, ptose palpebral, visão dupla e incapacidade de focar objetos. Além disso, as pupilas não se contraem quando exposta à luz. Alguns pacientes apresentam náusea, vômito, diarreia ou cólica. Dificuldades de fala e deglutição também são apresentadas nas pessoas que apresentam botulismo.

Transmissão do Botulismo

A doença é transmitida através de alimentos contaminados ou por feridas que contenham as toxinas causadoras da doença. Uma forma de prevenir o botulismo é aquecer os alimentos por 30 minutos, além, disso o acondicionamento dos alimentos deve ser adequado assim como o aquecimento de alimentos enlatados. Latas inchadas ou que apresentem vazamentos devem ser descartadas. Alimentos que possam estar contaminados devem ser descartados com urgência e as mãos do indivíduo que tiver contato com esses alimentos deve ser lavada imediatamente.

Tratamento do Botulismo

O tratamento da doença é realizado após o diagnóstico da doença, portanto se levantar suspeitas, procure um médico imediatamente. Durante o tratamento, serão utilizadas formas para retirar as toxinas do organismo. Lavagem gástrica, medicamentos que induzem o vômito e laxantes podem ser utilizados para o tratamento da doença. Em alguns casos, o botulismo atinge as vias respiratórias, nesse caso, o indivíduo é encaminhado para uma terapia intensiva e mantido sob uma ventilação mecânica.

Receba as novidades do NoticiAki em seu e-mail:

Artigos Relacionados:

Encontre o que deseja:

3 Comentários

  1. Ryan disse:
    Me Ajudou Muito Para O Trabalho De Ciencias >.<
  2. otavio disse:
    me ajudou muito para o trabalho de ciencias :P
  3. Laura disse:
    Amei, todas as informações que eu precisava em um só site!!

Gostou? Deixe seu Comentário