Você está em NoticiAki – de Tudo um Pouco > Cálculo Renal – Causas, Sintomas, Tratamento e Prevenção

Cálculo Renal – Causas, Sintomas, Tratamento e Prevenção

Cálculo Renal

O cálculo renal ou pedra nos rins é uma massa formada por cristais que surgem na urina e se unem formando as pedras. Normalmente, a urina possui substâncias que previnem a formação de pedras ou cristais, no entanto algumas vezes esses inibidores se tornam ineficientes o que causa o aparecimento das pedras nos rins. A doença é mais comum entre os homens com maior incidência entre os 20 e 40 anos de idade. A pouca quantidade água ingerida diariamente, facilita a criação das pedras nos rins, pois a urina se torna mais concentrada, com isso, as pedras podem parar no canal urinário, causando a dor da cólica renal, que chega a ser pior que a dor de parto.

Cálculo Renal

Cálculo Renal

Causas do Cálculo Renal

Os cálculos renais tem sua origem desconhecida, no entanto alguns alimentos aumentam a possibilidade de surgir cálculos nas pessoas que estão susceptíveis à doença. Nas pessoas não susceptíveis ao cálculo, acredita-se que não haja algum tipo de alimento que cause o aparecimento das pedras nos rins. Pessoas com antecedentes que tenham tido cálculos renais estão mais propensas ao desenvolvimento da doença. Assim como a infecção urinária, distúrbios metabólicos ou renais podem desencadear a formação de cálculos. A desidratação, excesso de vitamina D e obstrução do trato urinário tornam a doença mais susceptível.

Sintomas do Cálculo Renal

A dor intensa é o principal sintoma do cálculo renal, sendo que ela inicia com a movimentação da pedra no trato urinário, o que causa irritação e obstrução. A dor aguda surge no dorso ou abdômen inferior, causando palpitação, vômito e náusea. Após algum tempo, a dor pode chegar à virilha. Devido a contração, a dor continua se a pedra for grande. Com o aparecimento da pedra, podem ocorrer sangramento na urina, ardor e o aumento da frequência do ato de urinar. Febre e calafrio podem acompanhar os sintomas devido a uma infecção que normalmente ocorre junto ao aparecimento do cálculo renal.

Tratamento do Cálculo Renal

Em casos de cálculo renal, são usados analgésicos para o alívio de cólicas. O paciente deve ser hidratado para corrigir a perda de líquido consequente da formação dos cálculos. As pedras menores que 5mm são eliminadas do corpo naturalmente, sem a intervenção de cirurgia para sua retirada. No entanto, as pedras maiores que 7mm necessitam de alguma intervenção para a sua retirada. Nesse caso é realizada a Litotripsia com Ondas de Choque Extracorpórea na qual um aparelho gera ondas que atingem o cálculo, fragmentando-o. Há outras maneiras de tratamento do cálculo renal como a citoureteroscopia com a utilização de fibra ótica ou cirurgia como ultima medida terapêutica.

Prevenção do Cálculo Renal

O cálculo renal pode ser prevenido com a redução de alimentos que contem excesso de oxalato, que é a substância que forma os cálculos. Entre os alimentos estão beterraba, café, chocolate, nozes, morango, chá e espinafre. É importante realizar exames de urina frequentemente para verificar a existência de alguma infecção. Há casos em que devem ser utilizados medicamentos para prevenir os cálculos.

Dr. Eduardo Bertero explica Cálculo Renal

Dr. Dráuzio Varella explica Cálculo Renal

Gostou? Então compartilhe com seus amigos!

Encontre o que deseja:

Receba as novidades do NoticiAki em seu e-mail:

Gostou? Deixe seu comentário abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>