Você está em Noticiaki > Bem Viver > Como fazer Hidratação da pele na Gravidez

Publicado por EM Beleza, Mulheres, Saúde| Atualizado em: 03/06/2015 às 23h30m

Como fazer Hidratação da pele na Gravidez

A gravidez é um período na qual a mulher apresenta diversas sensibilidades relacionadas com seu organismo. Algumas alterações são mais evidentes e estão relacionados com a coloração, como pintas espalhadas pelo corpo que ficam mais escuras, os mamilos que também escurecem e por volta do terceiro mês, uma linha marrom escura aparece na altura do umbigo indo até abaixo do abdome, contudo, é uma linha pigmentada denominada de nigra que desaparece após o parto. A pele é a que mais sofre transformações durante esse período de gestação, portanto, alguns cuidados são de extrema importância para que a gestante tenha uma gestação saudável sem deixar marcas na pele. Existe uma grande tendência de formar manchas no rosto da grávida, variando de organismo a organismo, por isso, a exposição ao sol deve ser evitada, utilizando-se muito protetor solar, mesmo sem a exposição e ainda, a utilização de cremes apropriados para hidratar a pele durante a gestação, indicado pelo dermatologista.

Hidratação da pele na Gravidez

Hidratação da pele na Gravidez

Durante a gravidez, recomenda-se não utilizar tratamentos à base de ácidos retinoicos e hidroquinona, mas, existem outras opções que podem ser utilizadas sem problemas, como ácidos glicólicos e mandélicos, dentre outros que sejam recomendados por um dermatologista. Porém, hidratar a pele é um fator de extrema importância para a gestante, pois, a partir do terceiro mês de gestação as estrias tendem a surgir, para isso, é importante a utilização de hidratantes desde o início da gestação, que deve ser feita em abundância. Os óleos essenciais são produtos manipulados, que podem ser feitos em apenas uma fórmula, contudo, devem ser aplicado nas mamas, abdômen, coxas e glúteos frequentemente.

Cuidar da alimentação, para que o ganho de peso não seja exagerado, é outro fator que contribui para a saúde da pele e o desenvolvimento das possíveis estrias. Os cabelos e a pele do rosto ficarão mais oleosos no início da gravidez, então, caspa e acne poderão surgir ou piorar, porém, somente a partir do terceiro mês de gravidez, que a pele fica mais uniforme e sem acne, enquanto os cabelos ficam com a oleosidade controlada. Isso acontece devido ao ciclo hormonal da mulher durante a gestação. No final da gravidez tudo voltará a ser como antes, se a mulher tomar todos os cuidados com a pele na gravidez.

Cuidados com a pele na Gestação

Cuidados com a pele na Gestação

Boa parte das mudanças visíveis na pele das grávidas se dá devido às mudanças hormonais, vasculares e imunológicas ocasionadas durante a gravidez, sendo assim, nem todas as mulheres apresentam alterações visíveis na pele, mas a maioria das grávidas, num determinado momento da gestação, pode vir a apresentar alergias, irritações, eczemas, pele ressecada, além de manchas em algumas partes do corpo. Vale ressaltar que durante a gravidez, a pele da mulher fica ainda mais suscetível às irritações devido ao excessivo número de produtos cosméticos, desodorantes e perfumes por parte das mulheres, por isso, recomenda-se que as mulheres façam uso de sabonetes neutros ou emulsões de limpeza.

Se utilizar hidratantes, recomenda-se aqueles que não contenham perfumes ou antissépticos, já que tais substâncias certamente irão causar irritação a pele. Durante a gestação, algumas mulheres podem apresentar alteração na pele, podendo estar ser muito seca ou muito oleosa, sendo assim, recomenda-se que os banhos sejam rápidos e desprovidos de água muito quente, optando pelo uso de água fresca ou morna. Além do banho não muito quente, recomenda-se que após o banho, fazer hidratação da pele na gravidez com cremes que contenham vitaminas A e D, já tais substâncias possam corrigir a textura da pele e ainda ajuda a aumentar a elasticidade extra da pele, para suportar o estiramento de várias partes do corpo durante a gravidez.

Como evitar Estrias na Gravidez

Como evitar Estrias na Gravidez

Cuidar da pele na gravidez é importante, pois, o retorno satisfatório da pele após a gravidez, dependerá exatamente dos cuidados que tiver durante o período da gestação, exceto em casos onde os bebês são muito grandes e é difícil de controlar o surgimento de estrias, porém, pode ser controlada a quantidade das mesmas e ainda permitir que as mesmas sejam corrigidas com maior facilidade após o parto. As estrias vermelhas são as que mais incomodam as mulheres, porém, são as mais fáceis de se tratar e desaparecer ao longo do tempo, enquanto, as estrias brancas, estas são de dificil tratamente, e na maioria das vezes não some ao longo do tempo, deixando uma marca para toda a vida da mulher.

Encontre o que deseja:

Receba as novidades do NoticiAki em seu e-mail:

Gostou? Deixe seu comentário abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *