Você está em Noticiaki > Bem Viver > Piercing no Tragus – Riscos, Cuidados e Cicatrização

Publicado por Crisleide Katiane EM Beleza, Moda | Atualizado em: 08/10/2012 às 16h11m

Piercing no Tragus – Riscos, Cuidados e Cicatrização

Piercing no Tragus

A arte corporal pode ser demonstrada de diversas formas, e uma delas, a qual é habitual entre os jovens, seja do sexo masculino ou feminino, é o piercing. Esse é um adereço muito usual, que pode ser colocado por estética ou individualismo apenas. Piercing é uma jóia a qual sua qualidade varia entre aço 316L, ouro amarelo ou branco, titânio e acrílico. Para piercing no tragus a jóia utilizada pode ser o captive (argola, onde o fecho é uma bolinha) ou microbell (aste reta, com uma bolinha de cada lado).

Piercing no Tragus

Piercing no Tragus

Podendo ser colocado em várias partes do corpo, através de uma perfuração manual, que com uma perfeita cicatrização, torna-se um furo permanente. A orelha é um local bem apropriado para a colocação de piercings, seja na sua cartilagem, no lóbulo (no caso dos alargadores) ou no tragus. O tragus é uma ponta da orelha que fica em frente ao canal auditivo e sua perfuração é bem procurada por ambos os sexos, porém, na sua maioria, as mulheres para ficarem ainda mais charmosas, optam em colocar jóias bem atraentes, aumentando sua feminilidade.

Piercing no Tragus: Riscos

Piercing no Tragus: Riscos

Colocação de Piercing no Tragus

A colocação de piercing deve ser feita por um profissional qualificado em Body Piercing, habituado na colocação do mesmo. Um ambiente de extrema higienização, com materiais esterilizados e descartáveis (verificar quando for feita a abertura do material descartável, para certificar-se sua real procedência), são fatores obrigatórios para o trabalho a ser realizado, e para que não ocorra à inflamação do local perfurado, assim a arte resultará em grandiosa satisfação. O procedimento de colocação de piercing no tragus segue da seguinte forma:

1) O profissional esteriliza a jóia antes de iniciar o procedimento;
2) Faz a assepsía com álcool a 70%, da orelha, acentuando esta no tragus;
3) Com o auxílio de um paquímetro, aquela área é medida e marcada com uma caneta, isso para que não ocorra o erro de perfuração;
4) Em seguida, com uma pinça cirúrgica, o profissional segura o local, posicionando-o para o furo, com firmeza, porém, sem pesar a mão, para que não seja proporcionada a dor;
5) Com a utilização de um cateter, faz-se a perfuração propriamente dita, retirando a agulha que foi utilizada no cateter para a perfuração, e o caminho que ficará no cateter, este ajudará o profissional à conduzir a jóia que será colocada;
6) Para finalizar, o cateter é retirado e a jóia fechada.

Cuidados com Piercing no Tragus

Alguns cuidados com piercing no tragus são de extrema importância para que ocorra a perfeita cicatrização. São cuidados básicos, porém, devem ser seguido à risca como não ingerir alimentos gordurosos, carne de porco, chocolates, açaí, frituras, frutos do mar e ovos. A pessoa que coloca piercing no tragus deverá também, evitar água em excesso, como ficar imerso em piscinas ou águas do mar. Não é aconselhável a exposição direta ao sol, devido á área que está em tempo de cicatrização, sensível, bem como a utilização de toucas ou gorros que possam ficar sobre o tragus.

Piercing no Tragus: Cuidados

Piercing no Tragus: Cuidados

É recomendado que o local seja lavado com água corrente e sabonete neutro, todos os dias durante o período de cicatrização, movimentando a jóia somente quando o local já estiver molhado, para que a casquinha que se forma, não seja arrancada bruscamente, causando uma ferida, e ao fazer movimentos com a jóia, a secreção e os resíduos da própria casquinha, sairão.

Cicatrização do Piercing no Tragus

A cicatrização de piercing no tragus, varia de 2 meses à 1 ano, conforme o organismo de cada pessoa. Uma boa dica para acelerar um pouco mais o processo de cicatrização, é o consumo diário de vitamina C. Se acontecer do piercing no tragus começar a inflamar ou infeccionar o local, o mesmo não deve ser retirado, por isso, procure o profissional que o colocou imediatamente. Estar ciente sobre o local da perfuração, procurar um profissional capacitado, uma clínica que siga padrões de higienização, e seguir corretamente os cuidados pós-perfuração, dará consequentemente um excelente resultado.

Piercing no Tragus: Cicatrização

Piercing no Tragus: Cicatrização


Recomendamos também:


Encontre o que deseja:

Receba as novidades do NoticiAki em seu e-mail:

Gostou? Deixe seu comentário abaixo!

6 Comentários em Piercing no Tragus – Riscos, Cuidados e Cicatrização

  1. aline disse:

    Arrumei piercing no tragus há duas semanas, não dó como dizem, super tranquilo é só não mexer nele e usar antiséptico direto…

  2. Isabela disse:

    Coloquei o meu piercing hoje. Estou muito feliz, não doeu tanto quanto eu pensava! Agora é só cuidar bem.. Indico que troquem a fronha do travesseiro sempre até a cicatrização!

  3. Lari disse:

    Eu coloquei o piercing no tragus e cuidei mto no primeiro dia doeu mto mto mto que atemeu maxilar doía, mas dai lavava sempre com antisséptico, passava spray e passava alcool e sarou hj posso virar rodar a joia que nao.doi as vezes ate esqueço dele!

  4. Adrianaa disse:

    Olá. Coloquei um piercing no tragus e andei a desinfectar com alcool durante 3 dias. Mas estava a ficar assim um pouco vermelho e doi-me. Está inchado. Tenho usado betadine agora. Faço certo? O que posso fazer mais? está inchado e vermelho e tenho um pouco de dor. Ao abrir a boca doi-me toda aquela zona. Será normal?! o piercing tem cerca de 4 ou 5 dias!

    AJUDE-ME!!!
    AS

  5. tiaine sabrina disse:

    Usa a pomada Diprogenta essa pomada é ótima…Espero que tenha ajudado

  6. Tainara disse:

    Tenho um pirceng no tragus a mais ou menos uns 4 meses e ta imflamado ele ta bem melhor de qndo imflamou mais fikou apenas uma bolinha inflamada e eu cuido mais naosai me ajudem!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *