Você está em Noticiaki > Educação > Sistema S de Ensino Profissionalizante: Vagas Gratuitas

Publicado por EM Educação| Atualizado em: 22/07/2015 às 17h30m

Sistema S de Ensino Profissionalizante: Vagas Gratuitas

A Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação divulgou hoje no Diário Oficial da União a criação de mais de 8 milhões de vagas em cursos técnicos e cursos de formação profissional para trabalhadores e estudantes de todo Brasil, até o final de 2014, por meio do Sistema S de Ensino Profissionalizante. Hoje também, a SETEC MEC anunciou que investirá cerca de R$ 405 milhões nas instituições de ensino que oferecem os cursos para a população, dentre elas, estão o Pronatec, o SENAC, o SENAI, o SENAR e o SENAT, e outras 6 instituições, todas, consideradas instituições nacionais de ensino profissionalizante e técnico equipadas com rede de escolas, laboratórios e centros tecnológicos.

Sistema S de Ensino Profissionalizante

Sistema S de Ensino Profissionalizante

O incentivo federal é para manter o Sistema S em perfeito funcionamento, pois o Ministério da Educação e Cultura tem investido pesado na educação dos jovens brasileiros, afim de manter ascendente o crescimento do país. O Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego) foi a primeira instituição de ensino a se tornar parceira do Sistema S, e desde então, vem oferecendo cursos profissionalizantes de nível médio com formação inicial e continuada, além de qualificação profissional e cursos profissionais de formação técnica, todos ministrados segundo recursos públicos do Governo, que seguem custeando o Bolsa Formação do Pronatec, um programa criado exclusivamente para atender estudantes das vagas gratuitas do Sistema S.

O Pronatec foi criado pelo Governo Federal em 2011 e tem por finalidade principal, aumentar o número de oportunidades de formação profissinal e tecnológica em todo país, assim como o SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), SENAT (Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte), SENAC (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) e o SENAR (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), que também recebem benefícios do Governo para custear as despesas dos cursos de formação profissional técnica e de formação inicial e continuada, além de qualificação profissional, destinadas a estudantes do Sistema S de Ensino Profissionalizante, já que todas as oportunidades disponíveis de cursos nas instituições citadas, são gratuitas aos estudantes.

Ainda participam do Sistema S, instituições como SESC (Serviço Social do Comércio), SESCOOP (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo), SESI (Serviço Social da Indústria), SEST (Serviço Social de Transporte), SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), Fundo Aeroviário (Fundo Vinculado ao Ministério da Aeronáutica), DPC (Diretoria de Portos e Costas do Ministério da Marinha) e o INCRA (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária), todas instituições participantes dos setores produtivos da indústria, comércio, agricultura, transportes e cooperativas de todo Brasil, sempre com o mesmo objetivo do Pronatec. Todas as instituições citadas, além dos benefícios concedidos pelo Governo Federal, recebem incentivo das empresas pertencentes a suas respectivas categorias, que incidem diretamente na folha de pagamento das empresas, afim de financiar iniciativas de aperfeiçoamento profissional e melhorias da qualidade de vida dos colaboradores.

Encontre o que deseja:

Receba as novidades do NoticiAki em seu e-mail:

Gostou? Deixe seu comentário abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *